26 de mar de 2010

Entrevistando agora um ex-aluno de Princeton

Agora eu vou entrevistar um ex-aluno de Princeton. É uma honra conhecer alguém que dá tanta importância para a sua educação e que ajuda outros a também conseguirem sucesso educacional.

Peter Kurz é pai de David Kurz.


Ambos fazem parte da comunidade de Princeton. Ele como um ex-aluno formado em Política, e o filho como um aluno que irá se formar em biologia em 2012.

Princeton está classificada como a melhor universidade em diversas áreas, dentre elas a matemática, física e astronomia, economia, história e filosofia. A universidade tem somente 5000 alunos de graduação e 2400 alunos de pós-graduação. No entanto, está entre as universidades mais ricas do mundo, com uma dotação de mais de onze bilhões de dólares (a quarta maior do mundo), sustentada pelas contínuas doações de seus ex-alunos.
Dessa maneira, Princeton pode oferecer uma vaga justa a qualquer pessoa mesmo que ela não tenha condições de pagar os US$50620 anuais, devido às ajudas financeiras que a universidade oferece.

Perguntas: clique em leia mais para ler as respostas
     Em que você se formou?
     Como é a vida após a graduação? É mais difícil ou mais fácil?
     Como você se sente sobre ter seu filho a estudar na universidade que você se formou?
     O que você já sabe sobre o Brasil?
     Como você aprendeu Português?
    Várias pessoas admiram o povo dos Estados Unidos pelo apoio que os alunos dão às universidades. Como você apoia Princeton e quão importante é isso para você?
      Que tipo de alunos é Princeton procurando?
    O que você tem a dizer aos brasileiros interessados em ir para Princeton ou de qualquer outra faculdade de prestígio nos Estados Unidos?

      Perguntas dos leitores do blog:
           Estudar na Universidade de Princeton foi de alguma forma determinante, importante, fundamental? Como? (Pergunta de Marilia Costa, professor de Português e de Inglês, Doutoranda em Linguística e Língua Portuguêsa na Unesp (Universidade Estadual Paulista)).
           O que mudou na Universidade desde que você se formou? Como essas mudanças foram responsáveis pela manutenção ou mesmo pelo aumento do status da universidade? (Pergunta de Rafael Jordan).

          20 de mar de 2010

          Comfort food

           
          Comfort food é todo o tipo de comida que lhe dá conforto, saciedade e prazer. Por extensão, determinar quais comidas fazem parte da lista de comfort foods é algo pessoal. No meu caso, a sobremesa mais confortante que existe é o bolo de cenoura com cobertura de cream cheese (sinceramente, não sou tão fã assim de chocolate). O sabor é único e marcante, devido ao toque de canela que vai na massa; além disso, a cobertura de cream cheese é aveludada. Clique em leia mais para ver a receita.

          6 de mar de 2010

          Entrevistando um aluno de Princeton

          Então, eu prometi que entrevistaria um aluno de Princeton. 




          David Kurz está cursando Biologia e ele se interessa muito pelo Brasil. Ele nos deixa alguns conselhos, e também nos conta algumas de suas experiências em Princeton. 



          Idade: 19


          Classe de 2012






          Perguntas (Clique em "Leia mais" para ver as respostas): 
          1. O que você acha que o ajudou a ser aceito em Princeton? 
          2. Como são as aulas de Princeton? Quais são as suas favoritas? 
          3. Como são as atividades extracurriculares em Princeton? Você faz parte de algum grupo? 
          4. Como é a comunidade da Universidade? Como é viver em um dormitório? 
          5. O que você acha de estudar na mesma universidade em que seu pai se formou? 
          6. Quais são os seus interesses no Brasil? Qual parte do país que você planeja visitar no futuro? 
          7. A maioria das pessoas valoriza “o espírito de escola.” No Brasil, isso é algo raro. Como é o espírito escolar de Princeton e quão valioso ele é para você? 
          8. O que você tem a dizer aos brasileiros interessados em ir para Princeton ou para qualquer outra faculdade de prestígio no mundo? 
          9. O que você espera de Princeton no futuro? Quão importante você acha que ter se formado nessa faculdade vai ser para você?(Pergunta de Marília Costa, professora de Português e de Inglês, Doutoranda em Linguística e Língua Portuguesa na Unesp.)
          10. O que fez você escolher Princeton? O que você acha que é único sobre a faculdade? (Pergunta de Rafael Jordan) 
          "Apliquem, Apliquem, Apliquem! O que você tem a perder? Cerca de 10% do corpo discente aqui é composto de estudantes internacionais, e a diversidade é comemorada por quase todos."







          2 de mar de 2010

          "Listen to your heart"

          "Ouça o seu coração," já dizia aquela música dos anos 80 que eu odeio. Talvez odeie tanto que ignorei a mensagem e só percebi que é tão importante quando alguém tirou as vendas do preconceito dos meus olhos.
          Não importa o que os outros pensem de mim, ou se a faculdade A é melhor do que a Z. Eu só tenho que ouvir o meu coração.

          Em breve, no meu blog, postarei entrevistas com estudantes e ex-estudantes de Princeton. Espero que os leitores aprendam um pouco mais sobre a faculdade e se interessam em entrar em faculdades de prestígio no exterior.
          Related Posts with Thumbnails